AGENDA CALÓRICA OU NUTRITIVA? NEM TODO COMPROMISSO EDIFICA

Um dos principais aprendizados na jornada do empreendedor é o discernimento sobre como usar bem o próprio tempo. O mundo e tudo o que nele existe podem ser uma maquininha de roubar tempo. E todo empreendedor deve perceber quando está investindo seu tempo ou simplesmente perdendo seu tempo.


Vemos pessoas apressadas, correndo e nos fazendo correr. Pressa não é sinal de inteligência, nem de empenho. Às vezes, é apenas desespero por não saber aonde se deseja ir.


Os planos do diligente trazem ganho, os do precipitado trazem indigência.

Provérbios 21,5


Como diferenciar o bom uso do tempo? Onde podemos ver essa diferença? – talvez você me pergunte. E o melhor termômetro para isso é nossa agenda. Com o quê você tem ocupado seu tempo? Quais compromissos têm preenchido seu dia a dia?


Cuidado com compromissos tipo açúcar refinado: engordam, mas não nutrem

Nossa sociedade ensinou que estar fazendo algo é melhor que não fazer nada ou que correr de um lado para o outro é sinal de dedicação, mas nem sempre essas coisas são sinônimas. O que acontece é simples: para evitar a preguiça aprendemos a nos ocupar, mas a ocupação sem sentido também pode desencadear diversos males.


Um deles é o cansaço desnecessário, o acúmulo de responsabilidades vazias e a perda do tempo. É como alimentar-se excessivamente de açúcar refinado: você vai engordar, mas não estará nutrido. Estará excessivamente ocupado, mas não perceberá sentido no que faz.


Verifique a carga nutricional dos seus compromissos

Se deseja um conselho, eu lhe diria: comece a se perguntar sobre a carga nutricional dos seus compromissos. Entenda como compromisso tudo o que ocupa seu tempo: as reuniões que você participa, os textos que você lê, os vídeos que você assiste, as tarefas que você realiza no seu dia a dia. Tudo o que ocupa seu tempo precisa ser avaliado.

  • O que eles realmente oferecem a você?

  • O que você aprende com eles?

  • O que você transforma ou o quanto você se transforma, para melhor obviamente, com esses compromissos?

Esse tipo de avaliação é extremamente importante porque faz você perceber que nem todos os compromissos vão nutrir nem sua existência nem a existência dos outros. Estar em equipes, trabalhar em grupos ou realizar atividades porque elas foram combinadas nem sempre vão garantir que haja algum crescimento pessoal, profissional ou mesmo comunitário, social.


Agenda cheia pode ser agenda gorda, mas é agenda bem nutrida?!


Se este texto fez sentido para você, ajude que ele chegue também a outras pessoas. Compartilha!


Bem-vindo ao meu blog! Sou padre, professor de teologia, acompanho a pastoral do empreendedor e estou por aqui à sua disposição. Visite minha flowpage e conheça um pouco mais as minhas atividades. Deus o abençoe!


76 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo